Santo André, * *

Sindserv Santo André repudia declarações de Paulo Serra em Live
O que o cidadão andreense talvez não saiba é a situação que esses valorosos profissionais enfrentam no dia a dia de seu trabalho.  Professores estão trabalhado na pandemia de COVID-19 com recursos próprios e têm se desdobrado para atender da melhor forma possível seus alunos.  

Por: Viviane Barbosa, Redação do Sindserv Santo André
Publicação: 23/02/2021

Imagem de Sindserv Santo André repudia declarações de Paulo Serra em Live

card Sindserv

O Sindserv Santo André repudia as declarações do Prefeito Paulo Serra (PSDB) feitas contra os professores durante sua Live, realizada na última quinta-feira (18).  Ao afirmar em tom irônico que o “professor é um pessoal que adora fazer palanque e politizar tudo e que se acha melhor do que os outros pra querer ser vacinado primeiro”, demonstra seu total desrespeito, menosprezo pela vida e falta de humanidade com essa importante categoria profissional que precisa ser valorizada e reconhecida. 

O que o cidadão andreense talvez não saiba é a situação que esses valorosos profissionais enfrentam no dia a dia de seu trabalho na cidade.  Professores estão trabalhado na pandemia de COVID-19 com recursos próprios e têm se desdobrado para atender da melhor forma possível seus alunos.  

Parafraseando o ilustre educador Paulo Freire, falta coerência entre o discurso e a prática do senhor Prefeito. Paulo Serra alerta em sua live para que os munícipes “fiquem em casa”, porque os casos de COVID-19 estão aumentando na cidade. O nível de ocupação dos leitos de UTI está em 72%. (último Boletim divulgado no dia (22) subiu para 75%).  

E por outro lado, menospreza os professores andreenses que estão preocupados com suas vidas, de seus alunos, pais e demais trabalhadores com o retorno presencial à sala de aula, sem vacinação para os profissionais e sem as condições de segurança necessárias para coibir a proliferação do novo coronavírus. 

Também é lamentável quando o senhor se referiu a nossa Carreata Em Defesa da Vida – Voltar às Aulas sem Vacina, Não como "uma manifestação com meia dúzia de sindicalistas tocando o terror na cidade". 

Esse movimento foi organizado em conjunto com os nossos companheiros e companheiras da Apeoesp- Subseção Santo André (Sindicato dos Professores do Ensino Profissional de Estado de São Paulo) e do Sinpro-ABC (Sindicato dos Professores de Santo André, São Bernardo do Campo e São Caetano do Sul).

Nossa Carreata alertou à população andreense sobre os perigos do verdadeiro “terror na cidade” que é contrair o novo coronavírus nas escolas municipais.

Até a Câmara Municipal de Santo André está fazendo reuniões on-line, sem a presença da população por causa do aumento de casos na cidade.  Informações do último Boletim do Coronavírus da Prefeitura divulgadas no dia (22) mostram que a taxa de ocupação de leitos públicos e privados de UTI Covid-19 subiu para 75,63% na cidade. 

Importante destacar que desde o início da pandemia o ABC já perdeu 4.539 vidas para a covid-19 e outras 132.313 já tiveram ou têm o novo coronavírus.

Perguntamos: é mais importante proteger a si próprio do que ao próximo???

Preservar e proteger a VIDA de todos -- trabalhadores e trabalhadoras da Educação e dos alunos e pais -- é a nossa luta e prioridade. Chega de mais mortes para COVID-19!

Direção do Sindserv Santo André




Comunicação e Imprensa do SindServ Santo André
Agência: Mídia Consulte Comunicação & Marketing
Fone: 55 + (11) 9+6948-7446
Editora e Assessora de Imprensa: Viviane Barbosa MTB 28121
Redação: jornalismo@midiaconsulte.com.br

Mídia

Facebook

Galeria de Fotos

Reunião Plena do Sindserv Santo André - 22/02/2021